quinta-feira, fevereiro 21, 2013

A cetoacidose diabética

A cetoacidose diabética

Os corpos cetónicos são produzidos quando não há insulina suficiente e as células não conseguem captar o açúcar. Ao monitorizarmos os corpos cetónicos podemos fazer o correto controlo do nosso estado. O controlo dos corpos cetónicos (idêntico ao da glicemia, embora com outra fitas) deve ser feito em situações em que a glicemia se encontra acima dos 250 mg/dl. A cetoacidose diabética pode evoluir para um coma diabético.

Alguns sintomas associados à cetoacidose: sensação de boca seca, sede, cansaço, fraqueza, vómitos, náuseas, dores de barriga, hálito com cheiro a maçã e frequente vontade de urinar. carlosedgar.com

Fontes bibliográficas
carlosedgar.com

Partilhe

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado por colocar o seu comentário... proteja a sua privacidade.