11 de fevereiro de 2013

Criopreservação das células estaminais (cordão umbilical)

As células estaminais são células indiferenciadas que podem subdividir-se ou renovar-se indefinidamente em diferentes células. As células estaminais estão presentes no cordão umbilical e podem ser utilizadas na cura de inúmeras doenças tais como: leucemias, tumores, doenças metabólicas, linfomas, entre outras. A colheita destas células é um processo indolor, que ocorre no parto, sendo acondicionadas através da criopreservação (congelação com nitrogénio liquido), durante 20 anos, no laboratório selecionado. Estas células são úteis para o recém-nascido, mas também para familiares diretos que necessitem.

Os pais interessados deverão contactar as empresas que prestam este serviço pelo menos 15 dias antes do parto, para obter o kit de colheita e iniciar o processo (sendo necessário fazer analises sanguíneas – CMV (IgM e IgG), Sífilis (VDRL), Hepatite B (HBs Ag), Hepatite C (HCV Ac) e HIV I/ II).

0 Comentários:

Enviar um comentário

Obrigado por colocar o seu comentário... não revele nenhum dado ou informação confidencial no seu preenchimento.