quarta-feira, fevereiro 27, 2013

Espermicida

Espermicida

O espermicida é um método complementar que deve ser usado combinado com outro método, pois usado isolado tem alta taxa de insucesso. O espermicida pode ser usado sobre a forma de óvulos, comprimidos, cremes, géis e espumas. Podem provocar reações alérgicas e irritantes na mulher ou homem. carlosedgar.com

Como aplicar: usar o aplicador e aplicar no fundo da vagina. Os espermicidas têm uma taxa de eficácia baixa, quando associados ao preservativo a taxa de eficácia é muito elevada.

Efeitos secundários: feridas ou fissuras vaginais, prurido ou comichão, queimaduras e vermelhidão. Os espermicidas só protegem das DST se forem usados com camisinha ou preservativo.

Vantagens do espermicida: auxiliam a proteção de DST, não é necessário usar todos os dias, não interfere com o ciclo menstrual e aumentam a lubrificação vaginal.

Desvantagens do espermicida: o tempo de ação do espermicida é de 2 horas (necessita de aplicações frequentes) e podem causar alergias, feridas ou fissuras vaginais, prurido ou comichão, queimaduras e vermelhidão.

Fontes bibliográficas
carlosedgar.com
O que perguntamos sobre saude - carlos edgar
Saude 24 horas - carlos edgar
Partilhe

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado por colocar o seu comentário... proteja a sua privacidade.