-->

Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

We Are Sorry, Page Not Found

Home Page


Com a chegada da primavera os riscos e casos de alergias aumentam, com o surgimentos das flores e libertação dos polenes o risco de alergias aumenta.

Em Portugal as espécies mais alergénicas são as gramíneas, fenos, erva parietária, oliveira, acácia, pinheiro, cedro e plátanos. A libertação dos polenes associada ao tempo seco e quente e vento favorecem a sua proliferação, o clima ameno pode ainda contribuir para a replicação dos ácaros, outro foco alérgico no período primaveril.

Sinais de alergia

Os principais sinais de alergias são a irritação de garganta, pingo ao nariz e espirros, pode ainda notar outros sintomas como lacrimejo dos olhos, dor e inchaço na região nasal (seios perinais) - quadro de rinite alérgica. Os sintomas de uma alergia podem-se confundir com os de uma constipação, a diferença é que perduram durante a época de polinização.

O quadro de alergias associado a outras doenças como a asma, DPOC, hipertensão ou mesmo diabetes pode se traduzir num prognostico mais reservado e necessidade de maior apoio médico.

Como prevenir as alergias

Para prevenir a sua ocorrência pode:
  • fazer a medicação prescrita pelo seu médico
  • fazer a vacina contra as alergias
  • conferir o boletim polinico para saber que espécies e polenes vai surgir na sua região (pode conferir o boletim polinico na página Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica - SPAIC)
  • tome algumas medidas para aliviar os sintomas
  • não se auto-medique
  • evite os animais em casa
  • limpe o pó da casa com panos aderentes
  • mudar a roupa da cama duas vezes por semana
  • prefira os aspiradores (mude os filtros todos os anos)

Fontes bibliográficas