-->

Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

We Are Sorry, Page Not Found

Home Page


A gripe é uma doença viral que pode ser prevenida através da vacinação, como os vírus da gripe sofrem mutações constantes a vacinação tem que ser feita anualmente.
Efeitos adversos da vacina da gripe

Ao fazer a vacina a pessoa estimula o seu sistema imunitário para que este produza anticorpos, ao produzir anticorpos fica protegido da gripe. A gripe como é uma doença de fácil contágio, os idosos, grávidas e pessoas com doenças crónicas devem se vacinar, especialmente nos meses mais frios, o nosso corpo pode demorar 2 a 3 semanas para estar protegido.

Como todas as vacinas, a vacina da gripe também pode criar alguns efeitos adversos, hoje sabemos que a vacina não causa a gripe e é importante ter alguns cuidados no local onde foi administrada para diminuir o risco de ter efeitos adversos.

Reações e efeitos no local de injeção - dor, vermelhidão, inchaço, endurecimento, comichão e nódoa negra (hematoma).

Efeitos adversos da vacina da gripe

Efeitos adversos da vacina da gripe muito frequentes (podem afetar mais de 1 em 10 pessoas)
  • dores de cabeça
  • dores muscular
  • mal-estar geral
  • cansaço

Efeitos adversos da vacina da gripe frequentes (podem afetar até 1 em 10 pessoas)

Efeitos adversos da vacina da gripe pouco frequentes (podem afetar até 1 em 100 pessoas)
  • inchaço das glândulas do pescoço, axilas e virilhas
  • sono
  • naúseas
  • diarreia
  • doença tipo gripe
  • sensação de formigueiro
  • dor e fraqueza do braço
Vacina da gripe

Outros efeitos adversos da vacina da gripe com frequência ainda desconhecida: nevralgia, convulsões, rigidez do pescoço, confusão, dor e fraqueza dos membros, perda de equilíbrio, perda de reflexos, paralisia de parte ou em todo o corpo, Síndrome de Guillain Barré, vasculite e diminuição das plaquetas (trombocitopenia).

Os efeitos efeitos adversos da vacina da gripe podem surgir 1 a 3 dias após fazer a vacina, são normalmente ligeiros e acabam por desaparecer em 1 a 3 dias. 

Fontes bibliográficas
infarmed.pt