Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

yes

404

We Are Sorry, Page Not Found

Home Page



Alguns estudos recentes relacionam a quantidade de selénio nos solos e a sua presença nos alimentos vegetais e animais que temos em nossa dieta, estabelecendo uma relação entre a presença de selénio nos solos e sua captação por parte das plantas e vegetais. Mas será que temos falta de selénio em nossa dieta? Como podemos saber?
Os 22 alimentos mais ricos em selénio

A única forma de saber se temos falta de selénio é nosso médico pedir um doseamento do selénio em nosso sangue, os valores normais de selénio devem estar entre 50 e 143 mcg/L, no entanto sabemos que alguns sintomas podem revelar falta deste mineral, como o cansaço, a fraqueza muscular, perda de massa muscular, queda de cabelo e alteração da cor das unhas.
Os 22 alimentos mais ricos em selénio

Se tem alguns destes sintomas pode muito bem ter falta de selénio, para combater esta falta podemos optar por suplementos de selénio ou enriquecer nossa dieta com alguns alimentos. Descubra 22 alimentos com selénio que deve incluir em sua dieta:
  1. castanha-do-pará
  2. gema de ovo
  3. frutos secos
  4. salmão fresco
  5. ostras cruas
  6. camarão
  7. amêndoas
  8. carne de frango
  9. carne de porco
  10. feijão
  11. centeio
  12. farelo de trigo
  13. farinha de trigo
  14. sementes de girrasol
  15. fígado de porco
  16. pepino
  17. alho
  18. espargos
  19. alface
  20. couve-flor
  21. repolho
  22. arroz
Os 22 alimentos mais ricos em selénio
Agora que já sabe que alimentos têm maior presença de selénio, se lembre que ele tem muitos beneficios, como contribuir para o aumento das nossas defesas, prevenção das doenças cardiovasculares, eliminador de metais pesados do organismo, melhora a fertilidade masculina (infertilidade masculina), melhoria do cabelo e unhas e antioxidante (luta contra radicais livres) - descubra mais neste post.

Descubra outros posts relacionados

Comente...

Olá, pode deixar seu comentário... se lembre que a informação neste post é apenas para aumentar seu conhecimento sobre o tema... não deixe de procurar seu médico... muito obrigado... Carlos Edgar