-->

Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

We Are Sorry, Page Not Found

Home Page


Ao fazer o rastreio das células do colo do útero, através da citologia, a mulher pode descobrir que suas células do colo uterino têm alterações e risco de serem cancerígenas. Para além destas alterações a mulher pode ter pequenas feridas ou lesões no colo do útero, este tipo de feridas podem ser causadas pelo vírus HPV, clamídia, candidíase ou por uma cervicite.
Colo uterino
Colo uterino
As feridas no colo uterino podem dar maior risco cancro do colo uterino, pelo que nalgumas situações pode estar indicada a cauterização do colo do útero, que se traduz num tratamento para cicatrizar estas feridas através da aplicação de calor, causando uma queimação da ferida. A cauterização do colo do útero é um procedimento normalmente indolor (embora algumas mulheres refiram sentir dor).

Após a cauterização, o ginecologista deve receitar uma pomada que a mulher deve passar até o fundo da vagina, diariamente, durante um período variável de 12 a 15 dias.

Durante esse período, a mulher não deve ter nenhum tipo de contato íntimo, para não prejudicar o tratamento, nem mesmo com preservativo.



Sintomas após a cauterização do colo do útero

Após a cauterização do colo do útero a mulher pode apresentar alguns sintomas como corrimento marrom ou castanho, sangramento vaginal e cólicas. A mulher após a cauterização do colo do útero não deve ter relações sexuais e deve seguir as indicações de seu médico.

Fontes bibliográficas