domingo, maio 22, 2016

Funcho e os bebés

Funcho e os bebés

Os bebés como têm o seu sistema digestivo mais imaturo, podem apresentar alterações digestivas, sendo frequente aparecerem as cólicas a partir da terceira ou quarta semana de vida, as cólicas resultam da incapacidade do intestino decompor alguns nutrientes o que vai originar distensões e espasmos, causando sofrimento ao bebé.

Para os pais é uma fase terrível, em que parece que nada resulta e a nossa paciência é posta à prova... este fenómeno apesar de ser duro é normal e tem maior expressão nos bebés alimentados com leite artificial. Como não existem soluções ou milagres para tratar sugiro sempre muita paciência, massagens na barriga, deitar o bebé de barriga para baixo sobre o braço e caminhar pela casa, deitar o bebé após arrotar, evitar que o bebé engula ar durante a mamada e fornecer-lhe infusão de funcho e erva-cidreira ou solução de probióticos. Este ultimo conselho (funcho) tem gerado alguma polémica com rumores e boatos na internet... será que faz mal ao bebé? Estará contra-indicado?


O consumo de infusões de funcho não está contra-indicado para o bebé ou para a mamã, é até recomendado e existem no mercado algumas apresentações adaptadas para o bebé, eu próprio na ultima gravidez lá em casa usei o funcho e tivemos grandes resultado, com um aumento extraordinário da produção de leite (consumo de mais água) e um alivio das cólicas e gases do bebé.

Esta polémica foi mais fundamentada, pois os estudos revelam que a acção dos probióticos na prevenção e alivio das cólicas é maior, daí estarem mais na moda este tipo de produtos e haver um abandono das essenciais e extractos de plantas.

Por não considerar que existam riscos para o bebé continuo a sugerir esta solução para as mamãs a amamentar.

Infusão de funcho - benefícios: melhoria da azia, enjoos, redução dos gases, aumento da produção de leite... descubra mais sobre o funcho.

Descubra alguns post relacionados
Partilhe

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado por colocar o seu comentário... proteja a sua privacidade.