-->



Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

We Are Sorry, Page Not Found

Home Page



A pílula ou outros anticoncepcionais combinados hormonais, como todos os medicamentos podem causar efeitos secundários e complicações a longo prazo, por isso não deve ser iniciada sem conselho médico ou outros profissionais de saúde e não deve ser alterada a sua forma de tomar sem indicação médica, pois ao mudar os esquemas recomendados o risco de efeitos adversos e complicações aumenta, como no caso da toma da pílula continua.

Para diminuir o risco associados aos medicamentos hormonais a mulher deve ter uma dieta rica em vegetais e fruta e fazer exercício físico regularmente, evitando o sedentarismo.

Que mulheres não devem fazer a contracepção hormonal: mulheres com intolerância aos hormônios ou hormonas sintéticas (sintomas de intolerância - comichão ou coceira, inchaço e erupção da pele), com historia de coágulos, tromboses, enfartes, tromboflebites, AVC, enfartes, com risco de formar coágulos (diabetes, tensão arterial elevada e colesterol ou triglicerideos elevados), outras alterações da coagulação, com enxaquecas com aura, com alterações ou problemas no rim, pâncreas ou fígado, hemorragias vaginais com causa desconhecida, fumantes ou fumadoras, obesas e com tumores da mama ou órgãos sexuais.

As mulheres que fazem os anticoncepcionais combinados devem ter especial atenção e ter maior controlo periódico com o seu médico se passarem a ser diabéticas, tiverem aumento do colesterol ou outra gordura no sangue, forem obesas, historia familiar de cancro da mama, depressão, epilepsia, lupus, doença de Crohn, doenças do fígado ou vesícula, anemia falciforme ou formação de manchas durante a gravidez (cloasma).


Complicações dos anticoncepcionais combinados

As principais complicações associadas ao uso dos anticoncepcionais combinados são as tromboses venosas, cancro e hemorragias entre os períodos.

Os anticoncepcionais hormonais combinados e as tromboses

A utilização de qualquer anticoncepcional combinado, com estrogénios, aumenta o risco de formação de coágulos no sangue

Os anticoncepcionais hormonais combinados e o cancro

Os estudos revelam que parece haver mais risco de cancro da mama, nas mulheres que fazem contracepção combinada, embora esse risco diminuía se a mulher parar este tipo de contracepção. Todas as mulheres devem efectuar a sua vigilância periódica ao seios e os exames de rotina sugeridos pelo seu médico.

Os anticoncepcionais hormonais combinados e as hemorragias entre os períodos menstruais

A ocorrência de hemorragias entre os períodos menstruais é comum e normalmente está associada ao efeitos do anticoncepcional, é um efeito secundário - spotting. Fonte: Spotting e a pílula
Pilula hormonal triciclica
Pílula hormonal triciclica
Fontes bibliográficas