sexta-feira, outubro 07, 2016

Etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®

Etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®

A etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis® é uma pílula genérica da pílula miranova®, com indicação para as mulheres que querem se proteger da gravidez e ter os benefícios das pílulas hormonais combinadas.

Etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®

Composição da etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®: cada comprimido da etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis® tem na sua composição cerca de 0,1 mg de levonorgestrel e 0,02 mg de etinilestradiol. 

Como iniciar a etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®: a etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis® deve ser iniciada no primeiro dia da menstruação, se a iniciar entre o 2º e o 5º dia da menstruação deverá se proteger até ao 7º comprimido da primeira carteira.

Como tomar a etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®: a etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis® deve ser tomado todos os dias, um comprimido por dia, sensivelmente à mesma hora, durante 21 dias, seguindo-se uma pausa de 7 dias. durante a pausa de 7 dias deverá menstruar, a menstruação deverá descer por volta do 3º dia de pausa.

Efeitos secundários da pílula etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®

A pílula etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis® pode causar alguns efeitos secundários, como todos os medicamentos, que podem ser náuseas, dores de barriga, aumento de peso, dores de cabeça, depressão ou alterações do humor, dor na mama, tensão mamária, vómitos, diarreia, retenção de líquidos, enxaqueca, diminuição da libido, hipertrofia da mama, rash e urticária.

Etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®

Os outros medicamentos e a etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®

Alguns medicamentos podem interferir com a eficácia da pílula etinilestradiol 0,02 mg + levonorgestrel 0,1 mg generis®, tais como: fenitoína, barbitúricos, primidona, carbamazepina, rifampicina, oxcarbazepina, topiramato, felbamato, griseofluvina, hipericão, ritonavir, nevirapina, penicilinas e tetraciclinas.

Fontes bibliográficas
infarmed.pt
Partilhe

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado por colocar o seu comentário... proteja a sua privacidade.