Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

yes

404

We Are Sorry, Page Not Found

Home Page

A sonda vesical ou algália (termo muito popular em Portugal) é um dispositivo que pode ajudar a pessoa a libertar a sua urina, controlando os seus débitos e contribuindo para o controlo do seu balanço hídrico (quantidade de água ingerida vrs quantidade de urina).
Como cuidar da pessoa com sonda vesical

O uso da sonda vesical é usado em diversas situações, como quadros de retenção urinária (incapacidade em urinar), incontinência, tratamento de feridas, cirurgias, entre outros... 

O uso crónico da sonda vesical deve ter um acompanhamento da sua equipa de saúde, para medir a evolução do quadro, garantir que a sonda vesical permanece permeável, que a urina tem bom aspeto (sem sinais de alerta - confira em baixo) e prevenir as infecções urinárias (principais complicações do uso de sonda vesical).

Claro que quem cuida de um familiar com sonda vesical deve ter apoio de profissionais de saúde (médico/ enfermeiro) para ter apoio na manutenção da sonda, para efectuar as mudanças e receber os mais variados conselhos para garantir que a sonda continua funcionante e os riscos de infecção são diminuídos...
Como cuidar da pessoa com sonda vesical

A mudança da sonda vesical

Hoje temos muitos tipos de sonda vesical, feita de diversos materiais e com indicações de mudança que podem ir dos 7 dias aos 3 meses... a escolha do tipo de sonda é normalmente feito pelos profissionais de saúde, sendo comum usar sonda de maior duração em situações de uso crónico. O calibre, que pode variar entre o 14 e os 24 nos adultos, é uma escolha da equipa que deve recair nos calibres mais baixos (16 ou 18).

Como cuidar da pessoa com sonda vesical

Se o seu familiar usa sonda vesical é muito importante atuar em três fatores:
  • quantidade de água que bebe
  • higiene
  • manuseamento e manutenção do sistema de drenagem
Como cuidar da pessoa com sonda vesical

Prevenir as infecções urinárias na pessoa com sonda vesical

A manutenção destes cuidados vão permitir que a sonda permaneça funcionante e que o risco de infecção não exista, assim é imperativo que o seu familiar beba 2 litros de água por dia, faça a higiene diariamente (higiene dos genitais com água e sabão) e o sistema seja seguro, para evitar repuxamento da sonda, e o saco colector seja esvaziado quando atingir os 2/3 de capacidade e permaneça sempre abaixo do nível da bexiga.

Sinais de alerta

Mesmo implementando estes cuidados é importante estar alerta para alguns sinais de alerta. Como falei, em cima, se notar a presença de alguns sinais deve recorrer aos serviços de saúde, assim se notar:
Como cuidar da pessoa com sonda vesical

Deve recorrer ao seu médico/ enfermeiro para fazerem uma avaliação. 

Conclusão: o uso de sonda vesical deve ser uma solução temporária e de recurso dados os riscos de infecção associados, não se esqueça de lavar as suas mãos, com água e sabão, antes e depois de manusear a sonda vesical.

Descubra alguns posts relacionados
Leave A Reply
  1. Olá, pode deixar seu comentário... se lembre que a informação neste post é apenas para aumentar seu conhecimento sobre o tema... não deixe de procurar seu médico... muito obrigado... :)

    ResponderEliminar
  2. Boa noite ... sei que o assunto que vou perguntar nada tem a ver com o tema ... mas estou com um super problema. Implantei o diu de cobre em 2013 com o prazo para remoçao para novembro desse ano. Ok ... nk tive problemas sempre fiz meus exames, nk saiu do lugar. Acontece que hj pegando a caixa a validade dele estava para 2016. Nao sei como devo proceder. Sera que a validd de 2016 seria somente para implantaçao ? Ou seria a validd do proprio produto. Salvo que esta prevista a data para troca em novembro desse ano. Estou desorientada. Por favor me ajuda. Grata desde ja.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, sim é da implantação, depois de colocar ele continua protegendo o tempo definido pelo nosso médico... pode ficar ficar tranquila... :)

      Eliminar

Olá, pode deixar seu comentário... se lembre que a informação neste post é apenas para aumentar seu conhecimento sobre o tema... não deixe de procurar seu médico... muito obrigado... Carlos Edgar