sexta-feira, agosto 14, 2015

Sintomas de ansiedade

Sintomas de ansiedade

A ansiedade manifesta-se a nível físico e emocional, todos os dias passamos por alguns desses sintomas, basta que os estímulos que nos tocam gerem situações de desconforto, medo, insegurança ou potencial risco. A vontade de urinar muitas vezes, o suor, os tremores ou até a insônia são sintomas que podem estar relacionados com a ansiedade, mas existem muitos mais sintomas, descubra-os:
  • cansaço
  • falta de sono (insônia)
  • falta de ar
  • falar rápido
  • roer a unhas
  • tonturas
  • vertigens
  • confusão
  • sensação de desmaio
  • palpitações
  • aumento dos batimentos cardíacos
  • respiração mais acelerada
  • dores no peito
  • mãos húmidas
  • suores
  • arrepios
  • tremores
  • boca seca
  • necessidade urgente em ir à casa de banho
  • aperto na garganta
  • dificuldade em engolir
  • vômitos
  • diarreia
  • falta de desejo sexual
  • tensão muscular
  • afrontamentos
  • impotência
  • ejaculação precoce
Sintomas de ansiedade

O surgimento dos sintomas de ansiedade pontualmente não são preocupantes, mas se passam a ser recorrentes e interferem com nossa a rotina diária deve procurar ajuda.

Existem muitas formas naturais de controlar os episódios de ansiedade, o uso de algumas medidas podem nos relaxar e acalmar, como o yoga, tai chi, massagem, aprender a relaxar com exercício respiratórios (respire dentro de um saco), atividades ao ar livre, evitar bebidas estimulantes, evitar o tabaco, beber infusões de plantas (camomila ou tília), organizar melhor as suas atividade diárias em casa e no trabalho e ler.

O importante é descobrir a causa, pois ao saber a causa para sua ansiedade tem mais chances de a controlar e evitar. Descubra mais sobre as causas da ansiedade.

A pessoa com ansiedade descontrolada e crónica deve se avaliada pelo seu médico, podendo ter necessidade de usar algum medicamento, os ansiolíticos são os medicamentos usados para tratar a ansiedade, descubra alguns dos mais usados: diazepam, flurazepam, oxazepam, triazolam, lorazepam, alprazolam, xanax, valeriana, clonazepam, temazepam, entre outros.

Notas importantes:
  • Não use estes medicamentos sem indicação de seu médico.
  • Não aumente as doses sem indicação de seu médico.

Os ansiolíticos e a pílula anticoncepcional

O uso de ansiolíticos não altera a eficácia da pílula anticoncepcional, a mulher deve tratar a sua ansiedade e manter a sua pílula anticoncepcional.

Fontes bibliográficas
Partilhe

8 comentários:

  1. Dr. Eu tenho todos esses sintomas
    Quer dizer tinha até começar com a medicação.
    Tenho uma dúvida eu tomo há 1 ano.
    Sertralina 50mg a noite e alprazolam 0,5mg pela manhã.
    E desde então nunca mais me senti mal.
    As vezes um pouco ansiosa.
    Mas nada muito serio como antes.
    Meu médico é um clinico geral e ele me diz que tenho que manter essa medicação.
    Mas tenho receio de ficar tomando pra sempre isso.
    O que você me diz?
    Sei que estou ótima agora, pois eu vivia ansiosa e nervosa e passava muito mal.
    Mas é necessário o uso assim por tanto tempo.
    Isso não tem cura?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, sim pode ter que usar durante mais tempo, pode ter fases que deixa de tomar, mas também pode ter alturas de tenha recaídas... pode sempre usar algumas medidas para tentar controlar sua ansiedade... eu sei que é difícil... ando por aqui, se precisar... :)

      Eliminar
  2. Obrigada Dr, Realmente é difícil faço terapia também.
    Existe alguma regra em tomar o remédio?
    Eu tomo a sertralina a noite e o alprazolam pela manhã durante 1 ano. E me sinto bem.
    Esses dias tive uma queda de pressão e acabei sendo atendida por um cardiologista que disse para eu inverter e tomar a sertralina de manhã.
    Fico na dúvida pois nunca tive depressão só ansiedade muito forte com fobia social e por isso o uso da sertralina. O alprazolam pra relaxar mas meu organismo não consegue mais ficar sem ele.
    :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá,
      ok ele é bem tolerado e ajuda muitas mulheres que o usam sempre... deve seguir a indicação e manter, se precisar ando por aqui... :)

      Eliminar
  3. Boa noite. Vou começar a tomar lexotan (genérico do bromazepam), meio comprimido sempre antes de dormir. A minha pergunta é se por acaso ingerir álcool umas horas antes de tomar esse meio comprimido, se pode interferir de alguma maneira. Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, durante esse tratamento deve evitar as bebidas alcoólicas... se precisar ando por aqui... :)

      Eliminar
    2. Também vou tomar meio comprimido de fluvoxamina, só em caso de SOS. Quanto tempo tem de duraçãode efeito deste comprimido?

      Eliminar
    3. Olá, vai melhorar a crise... como é meio.... siga a indicação de seu médico... se precisar ando por aqui... :)

      Eliminar

Obrigado por colocar o seu comentário... proteja a sua privacidade.