-->



Theme Layout

Theme Translation

Trending Posts Display

Home Layout Display

Posts Title Display

404

We Are Sorry, Page Not Found

Home Page
Depo-provera, injeção hormonal
Depo-provera®, injeção hormonal
A depo-provera® é um anticoncecional hormonal injetável indicado na prevenção da gravidez, tratamento da endometriose e tratamento de alguns sintomas da menopausa. A depo-provera® é constituída por acetato de medroxiprogesterona 150 mg, e outros excipientes, tais como: polissorbato 80, para-hidroxibenzoato de metilo, para-hidroxibenzoato de propilo, macrogol 3350, cloreto de sódio, hidróxido de sódio, ácido clorídrico e água para injetáveis.


Como fazer a depo-provera®

A injeção hormonal, depo-provera®, deve ser feita de 12 em 12 semanas. A administração da depo-provera® deve ser feita no músculo da nádega ou do ombro por um profissional de saúde. A injeção depo-provera® mantêm a sua eficácia se for administrada de 3 em 3 meses, e não houver atrasos superiores a 5 dias, em relação à data prevista.


Medicamentos que interferem com a depo-provera®
Deve informar o seu médico se está a fazer algum medicamento. O medicamento aminoglutatimida interfere com a eficácia da depo-provera®.

Efeitos secundários ou adversos da injeção hormonal depo-provera®

Efeitos secundários ou adversos frequentes da injeção hormonal depo-provera®
  • Vaginite;
  • Diminuição da vontade sexual;
  • Insónia;
  • Nervosismo;
  • Dores de cabeça;
  • Tonturas;
  • Afrontamentos;
  • Náuseas;
  • Acne;
  • Queda de cabelo;
  • Dores de estômago;
  • Ausência da menstruação;
  • Corrimento vaginal;
  • Aumento da sensibilidade mamária;
  • Cansaço;
  • Falta de fora;
  • Dor, inchaço ou vermelhidão no local da injeção.

Efeitos secundários ou adversos pouco frequentes ou raros da injeção hormonal depo-provera®
  • Retenção de líquidos;
  • Alterações do peso;
  • Sonolência;
  • Pele oleosa;
  • Cãibras;
  • Diminuição da tolerância à glucose.

Fontes bibliográficas
infarmed.pt
unidocs.co.uk