12 de agosto de 2017

Anticoncepcional levordiol® (levonorgestrel + etinilestradiol + cloridrato de piridoxina)



O anticoncepcional levordiol® é um contraceptivo indicado na prevenção da gravidez indesejada, por ter em sua composição dois tipos de hormônios, o levonorgestrel e o etinilestradiol, na seguinte dosagem hormonal:
  • comprimidos rosas - 0,05 mg levonorgestrel + 0,03 mg etinilestradiol 
  • comprimidos amarelos - 0,075 mg levonorgestrel + 0,04 mg etinilestradiol 
  • comprimidos brancos - 0,125 mg levonorgestrel + 0,030 mg etinilestradiol 
  • comprimidos salmão - sem hormônios - comprimidos placebo
Anticoncepcional levordiol® (levonorgestrel + etinilestradiol + cloridrato de piridoxina)

Como tomar o anticoncepcional levordiol®

A mulher que usa o anticoncepcional levordiol® deve iniciar a cartela pelo primeiro comprimido rosa, seguindo as direcções das setas na cartela, tomando depois dos rosa, os amarelos, os brancos e no final o salmão - durante a toma dos comprimidos salmão deve notar sua menstruação. Após terminar os comprimidos salmão (período de pausa) deve iniciar nova cartela pelos comprimidos rosa.

Reacções adversas do anticoncepcional levordiol®

Como todos os medicamentos o anticoncepcional levordiol® pode causar algumas reacções como:
  • comuns - náusea, dor abdominal, aumento de peso corporal, dor de cabeça, estados depressivos, alteração de humor, dor e hipersensibilidade dolorosa nas mamas
  • incomuns - vômitos, diarreia, retenção de líquido, enxaqueca, diminuição do desejo sexual (libido), aumento do tamanho das mamas, erupção cutânea e urticária
  • raras - intolerância a lentes de contato, hipersensibilidade, diminuição de peso corporal, aumento da libido, secreção vaginal, secreção das mamas, eritema nodoso e eritema multiforme
Anticoncepcional levordiol® (levonorgestrel + etinilestradiol + cloridrato de piridoxina)

Medicamentos que podem interferir com o anticoncepcional levordiol®

Alguns medicamentos podem interferir com o anticoncepcional levordiol®, tais como: carbamazepina, griseofulvina, oxcarbazepina, etosuximida, fenobarbital, fenitoina, primidonalamotrigine, rifampicina, ritonavir, hipericão e topiramato (doses diárias maiores de 200 mg).

Esquecimentos do anticoncepcional levordiol®

É considerado um esquecimento quando a mulher atrasa 12 horas a toma do seu comprimido ou esquece mesmo, para se proteger e repor a protecção deve:

Na primeira semana da cartela

Deve tomar o comprimido esquecido assim que se lembrar, mesmo que tome dois juntos, manter os seguintes e se proteger ou evitar as relações nos 7 dias seguintes.

Na segunda semana da cartela

Deve tomar o comprimido esquecido assim que se lembrar, mesmo que tome dois juntos e manter os seguintes.

Na terceira semana da cartela

Deve tomar o comprimido esquecido assim que se lembrar, mesmo que tome dois juntos, manter os seguintes e iniciar a nova cartela assim que terminar a atual.

Fontes bibliograficas
farmagora.com.br

2 comentários:

  1. Boa tarde

    Vi num site onde o senhor responde a duvidas das pessoas sobre os anticoncepcionais e ciclos
    Mandei msg la mais nao a achei
    Queria q me tirasse uma duvida
    Eu tomava o anticoncepcional tantim

    Reaolvi parar pq quero engravidar, porem ainda tomei os 2primeiros compimidos da cartela e nao tomei mais minha M ja esta atrazada a 3 dias... é normal atraz assim?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, sim é normal atrasar, ao interromper pode demorar a descer, mas como parou pode engravidar, faça consulta de preparação, ando por aqui... :)

      Eliminar

Obrigado por colocar o seu comentário... não revele nenhum dado ou informação confidencial no seu preenchimento.